Paróquia
Sagrado Coração de Jesus

Poços de caldas - mg | Diocese de guaxupé

Paróquia hoje:

Quaresma: preparação e abertura para uma nova vida

 

 

Caros irmãos e irmãs, estamos iniciando um tempo muito importante para nossa fé: a Quaresma! Tempo de rever a vida, buscar a conversão e nos aproximaros mais de Deus através do serviço da caridade. Por isso e muito mais temos que viver bem esse tempo para ainda melhor vivermos a Páscoa do Senhor. A Quaresma só tem sentido em vista da Páscoa, como preparação e abertura para uma vida nova que nos é proporcionada pela ressurreição de Jesus.

A Quaresma se inicia na Quarta-feira de Cinzas, quando recebemos as Cinzas e ouvimos o pedido de Jesus: “Convertei-vos e crede no Evangelho” (Mc 1,15), encerrando-se na Quinta-Feira Santa, antes da Missa da Ceia do Senhor, ao anoitecer. A cor roxa, utilizada neste tempo litúrgico, possui significado penitencial. Ela é sinal e recordação de penitência que integra o processo de conversão a que todos somos chamados a viver. O cristão deve intensificar a prática dos princípios essenciais de sua fé, com o objetivo de ser uma pessoa melhor e proporcionar o bem para os demais.

É um tempo forte de oração, jejum e esmola, que são um resumo da vida cristã e condensam o sentido da vida. A oração é passar do vazio de si à plenitude de Deus. O jejum é a capacidade de ordenar a vida para servir e louvar a Deus, de darmos maior liberdade a Deus para agir em nós e expressão de solidariedade e comunhão com os outros, é partilha. E a esmola significa atitude de doação gratuita, de serviço ao próximo com generosidade e desprendimento.

Além disso, no Brasil temos a graça de viver também nesse tempo a Campanha da Fraternidade, onde os bispos a cada ano escolhem um tema da vida cristã para aprofundarmos nossa reflexão na busca de conversão. Esse ano tem como tema: FRATERNIDADE E DIÁLOGO: COMPROMISSO DE AMOR e o Lema: Cristo é a nossa paz: do que era dividido, fez uma unidade (Ef 2.14ª). Por isso, tem como objetivo convidar as comunidades de fé e pessoas de boa vontade a pensarem, avaliarem e identificarem caminhos para superar as polarizações e violências através do diálogo amoroso, testemunhando a unidade na diversidade.

Apesar de alguns falsos cristãos tentarem desacreditar a Campanha da Fraternidade, devemos estar com nossa Igreja e nossa comunidade para buscarmos o diálogo e a paz entre todos, independentemente de serem cristãos ou não, pensarem como nós ou não. A Campanha da Fraternidade Ecumênica (CFE) representa uma das experiências mais valiosas de missão ecumênica evangelizadora ou de diaconia ecumênica transformadora; É sinal de esperança almejado por pessoas que nos antecederam na caminhada ecumênica. Por isso, rezemos com a Campanha da Fraternidade:

DEUS DA VIDA, DA JUSTIÇA E DO AMOR, NÓS TE BENDIZEMOS PELO DOM DA FRATERNIDADE E POR CONCEDERES A GRAÇA DE VIVERMOS A COMUNHÃO NA DIVERSIDADE. AJUDA-NOS A TESTEMUNHAR A BELEZA DO DIÁLOGO COMO COMPROMISSO DE AMOR, CRIANDO PONTES QUE UNEM EM VEZ DE MUROS QUE SEPARAM E GERAM INDIFERENÇA E ÓDIO. TORNA-NOS PESSOAS SENSÍVEIS E DISPONÍVEIS PARA SERVIR A TODA A HUMANIDADE, EM ESPECIAL, AOS MAIS POBRES E FRAGILIZADOS, A FIM DE QUE POSSAMOS TESTEMUNHAR TEU AMOR REDENTOR, E PARTILHAR SUAS DORES E ANGÚSTIAS, SUAS ALEGRIAS E ESPERANÇAS, CAMINHANDO PELAS VEREDAS DA AMOROSIDADE. POR JESUS CRISTO, NOSSA PAZ, NO ESPÍRITO SANTO, SOPRO RESTAURADOR DA VIDA. AMÉM.