Paróquia
Sagrado Coração de Jesus

Poços de caldas - mg | Diocese de guaxupé

Paróquia hoje:
Voz do Pastor › 13/08/2012

O Pão da Vida

 

Nestes domingos estamos lendo uma parte do evangelho de João, que se chama “Livrinho dos pães”. Jesus se oferece como o “Pão da Vida”, mas ao mesmo tempo se queixa porque o povo ia atrás Dele só por causa do milagre da multiplicação dos pães. Ele nos diz que o alimento que nos da é para a vida eterna: “Quem come deste pão viverá eternamente”.

Jesus, com a imagem do pão, nos fala de uma necessidade fundamental do ser humano: a fome. Precisamos de alimento e não precisa que ninguém nos ensine nada sobre isso; mesmo que ninguém nos avise, sentimos fome, apetite, sentimos uma necessidade. O homem tem muitas outras necessidades fundamentais para proteger sua vida e seu corpo: precisa se proteger do frio, do calor elevado, de batidas, de caídas… um monte de atenções.

O ser humano, enquanto pessoa que tem sentimentos, tem também uma necessidade fundamental na sua vida afetiva e psicológica: amar e ser amado. A necessidade de viver num contexto onde somos valorizados e tratados com amor e carinho é fundamental. Também neste caso, é algo que sentimos desde pequenos, mesmo que nunca tenhamos ouvido falar do amor.

Jesus nos revela que existe uma necessidade de Deus dentro de nós; uma necessidade de transcendência, de infinito, de não ficarmos encurralados nas coisas deste mundo como se fosse uma prisão. O nosso ser aspira ao infinito e dentro de nós há perguntas que são sintomas desta fome de infinito: porque estou neste mundo, onde estarei após a minha morte, qual o sentido da vida e da morte, por que tanto sofrimento, o mundo está abandonado ao acaso ou existe alguém que o governa? Mas esta sede de Deus se manifesta em nós também como sede de fraternidade, de paz, de justiça, de oração, de espiritualidade, de solidariedade.

Como alimentar essa fome de Deus? Como responder aos anseios de infinito da nossa alma? Não podemos viver preocupados apenas com a fome de pão que simboliza a nossa busca de casa, de carro e, em geral, dos bens materiais.

Precisamos ouvir Jesus quando nos fala “Não só de pão vive o homem!” Precisa alimentar nossa alma, nosso espírito, nossa fome de Deus. Por isso precisa ter espiritualidade para ouvir a palavra de Deus como algo que ilumina e transforma nossa vida. Buscar o Pão do céu, que não é apenas comungar a Santa Eucaristia, mas comungar com o pensamento de Jesus, ouvindo tudo que ele nos disser. E também não é apenas ouvir a Palavra de Jesus, mas viver tudo que Ele nos ensina. Por isso, quando vamos à missa, precisamos saber que a primeira parte dela é a Mesa da Palavra, que nos prepara para a Mesa da Comunhão Eucarística. Se não nos preparamos ouvindo e vivendo a Palavra do Senhor, a nossa comunhão eucarística será sempre algo que recebemos sem muita eficácia, porque faltou a preparação, necessária para que se produzam frutos de vida nova em nós.