Paróquia
Sagrado Coração de Jesus

Poços de caldas - mg | Diocese de guaxupé

Paróquia hoje:
Homilias em Destaque › 26/12/2014

Natal do Senhor- 2014

 

ESTAMOS reunidos na noite mais terna do ano. Estamos reunidos para dar conteúdo ao nosso Natal, para que não brilhe apenas por fora, mas brilhe dentro de nós. Queria repartir neste momento tão bonito uma expressão do Papa Francisco:

“O Natal costuma ser sempre uma ruidosa festa; entretanto se faz necessário o silêncio, para que se consiga ouvir a voz do Amor. Natal é você, quando se dispõe, todos os dias, a renascer e deixar que Deus penetre em sua alma”

Deus é amor. O amor nasce no meio de nós. O Papa nos alerta para que sejamos capazes de ouvir a voz do amor. Nos convida ao silencio, a escuta. Não há duvida que um dos lugares mais barulhentos é o nosso interior. Dentro do ser humano se sucedem os barulhos do nosso  orgulho,  o barulho da arrogância, o barulho da vaidade, o barulho da inveja e especialmente o barulho do “ser egoísta” que toda hora nos repete: “não liga para os outros, pensa em você, seja esperto, não deixem que acabem com sua felicidade, se proteja”. Os outros barulhos são filhos deste barulho. Se não tiramos esse barulho da nossa vida nunca ouviremos a voz do amor. Voz que como nesta noite tenta nos falar, e que por causa dos nossos barulhos, normalmente não conseguimos ouvir. Mas esta noite é especial, acredite, tenha fé.

Vamos então fazer diferente esta noite e silenciamos tudo para ouvir a voz do amor: seja bom, seja generoso, tenha compaixão, faça da sua vida um presente. È isso que enxergamos no menino Jesus, o amor que se faz presente, o presente de Deus para a humanidade. Nesta noite santa que mudou para sempre a história da humanidade. A partir desta noite milhões e milhões de pessoas decidiram ao longo dos tempos de ouvir a voz do amor. Fazem a diferença no mundo todos os dias.

Natal é você, quando se dispõe, todos os dias, a renascer e deixar que Deus penetre em sua alma”

Natal não é para nós uma memória histórica. Não é o aniversário de Jesus, quem é eterno não precisa de aniversário. Natal é uma profunda experiência de fé. È a experiência de acolher Deus na nossa alma, na nossa vida, na nossa casa, no nosso trabalho, na nossa igreja, nas nossas comunidades, no nosso lazer, no nosso descanso. Isso significa fazer tudo do jeito de Deus, um Deus que se fez menino, se fez pobre, sem teto. Se Deus penetrar na nossa alma, nunca mais seremos surdos e cegos perante a situação dos outros e dos outros mais necessitados. Nunca mais seremos levados a viver superficialmente, esquecendo o essencial. Nunca mais ligaremos para aparência, mas para o conteúdo. Nunca mais pensaremos que quando nos doamos estamos perdendo algo de nós, mas que estamos ganhando, muito, mas muito mais do que imaginamos. Nunca mais seremos capazes de abraços e sorrisos falsos, mas seremos verdadeiros.

Entendemos perfeitamente: Natal não é mudar para um dia, mas mudar para sempre: passo a passo, caindo e levantando, mas para sempre.

FELIZ E SANTO NATAL A TODOS.