Paróquia
Sagrado Coração de Jesus

Poços de caldas - mg | Diocese de guaxupé

Homilias em Destaque › 22/04/2018

Ressuscitou o Bom Pastor que deu a vida por suas ovelhas- Homilia do 4º domingo da Páscoa

O 4º domingo da Páscoa é conhecido com o “domingo do Bom Pastor” porque no Evangelho deste dia, Cristo se apresenta como o Bom Pastor. O Evangelho apresenta Jesus como “o Pastor modelo”, que ama de forma gratuita e desinteressada as suas ovelhas, até ser capaz de dar a vida por elas. As ovelhas sabem que podem confiar n’Ele de forma incondicional, pois Ele não busca o próprio bem, mas o bem do seu rebanho.

Apascentar significa cuidar, nutrir, sustentar e ensinar. É justamente isso que Cristo faz com suas ovelhas, Ele dá a sua vida por elas. Cuida de cada uma para que não se percam, nutre para as fortalecerem sustenta-as em sua caminhada e ensina o caminho da vida. Jesus ama as suas ovelhas, dá sua vida por elas para que nenhuma se perca.

Por isso, o caminho para a vida é seguir a Cristo! É amar como Jesus nos amou! O que é decisivo para pertencer ao rebanho de Jesus Cristo é a disponibilidade para “escutar” as propostas que Ele faz e segui-lo no caminho do amor e da entrega.

Seguir a Cristo é amar como ele amou. E nesse “domingo do Bom Pastor” Ele nos ensina como é esse amor. Amar como Jesus amou, de modo autêntico, de modo verdadeiro, é se entregar pelo outro.
O pastor não apascenta a si mesmo, mas cuida do outro. Assim se quisermos nos assemelhar a Cristo não podemos nos fechar no egoísmo e nem no comodismo, mas a exemplo dEle, dar nossa vida em prol do próximo.

Esse dia também é o Dia de Oração pelas Vocações. Peçamos ao Senhor da Messe que envie operários que sejam verdadeiros bons pastores para cuidar do seu rebanho que é a Igreja. Por isso tenhamos a piedade de rezar todos os dias pelas vocações:

“Senhor da Messe, a messe é grande e os operários são poucos, envie mais operários para sua messe. Amém”.

Padre Lucas Muniz
Paróquia Sagrado Coração de Jesus
Poços de Caldas- MG | Diocese de Guaxupé

Deixe o seu comentário