Paróquia
Sagrado Coração de Jesus

Poços de caldas - mg | Diocese de guaxupé

Voz do Pastor › 12/02/2015

Contemplar a vida – Padre Graciano

 

O mês de Fevereiro vem com seus dias de Carnaval e logo a Quarta-feira de Cinzas, que inicia o percurso da Quaresma. O nosso caminho de conversão espiritual e crescimento da fé passa pelo compromisso missionário que estamos abraçando, nas Santas Missões Populares. Demos passos importantes, e acima de tudo queremos conhecer mais e seguir Jesus de Nazaré. Este ano litúrgico que vai até a festa de Cristo Rei, dia 22 de novembro, seguiremos Jesus na leitura constante do Evangelho de Marcos. A leitura calma, meditada, se torna contemplação. Na contemplação permitimos a Deus de transformar o nosso ser, passo a passo, dia após dia.O Papa Francisco, na semana passada, voltou a propor a todos os cristãos de dedicar 10-20 minutos do dia para refletir o Evangelho. É o que a gente está propondo também nas Santas Missões Populares, a leitura-meditação do Evangelho de Marcos.

Alguém pode se perguntar o que significa contemplar?

Contemplar é primeiramente permitir a Deus falar ao nosso coração. Não é na correria, na sequencia de atividades sem parar, no barulho que bombardeia o nosso tempo, que vamos conseguir a voz de Deus. Sem ouvir a voz de Deus perdemos o rumo, o sentido da vida, não sabemos mais para onde vamos. Sem ouvir a voz de Deus não ouvimos o chamado de Deus, não conhecemos a missão da nossa vida.

Contemplar é também aprender a se conhecer melhor. Conhecer melhor aquela vida feita de sentimentos, de emoções, de afetos e desafetos, de relações que formam a nossa pessoa. Porque sou assim? Porque tenho estas reações? Quais as minhas qualidades e as minhas dificuldades? Ninguém se ama como deveria se não se conhece. Muitos pensam de se amar muito, mas na realidade estão fechados em seu egoísmo, estão reduzindo cada vez mais os horizontes da própria visão, estão fechando a porta a uma vida mais feliz.

Contemplar é conhecer mais Jesus. Conhecer o tempo que ele viveu, saber o porquê de seus ensinamentos, entender a sua escolha de amar os pobres, o seu desejo de justiça e de paz, o seu jeito de amar, o seu jeito de ser. O cristão é seguidor de Jesus, e discípulo do mestre e só aprendendo todo dia com ele que podemos crescer na fé.

Contemplar significa discernir os modelos de vida. Muito do que o mundo oferece não acrescenta nada na nossa vida, ao contrário nos tira muito. Tantas vezes abraçamos maneiras de viver totalmente erradas apenas porque estão na moda, na mídia ou simplesmente porque “todo mundo faz assim”. Mas não podemos ser “todo mundo”. Temos o direito e dever se sermos nós mesmos e de escolher a vida que queremos para nós e não deixar os outros escolherem. Muitos pensam que escolheram sua maneira de viver em plena liberdade, mas de fato são totalmente condicionados.

Vamos amar a contemplação, estaremos amando a vida.

Jornal USC – FEV 2015- Padre Graciano

Deixe o seu comentário